Pular para o conteúdo principal

Início das férias 2016 em Bariloche!

Bariloche, Abril de 2016

Um dos momentos mais aguardados do ano havia chegado pra nós: As férias! E com ela uma programação de viagem para alguns destinos que pra nós eram inéditos. O primeiro deles foi San Carlos de Bariloche, na Província de Rio Negro... A porta de entrada da Patagônia Argentina e talvez a cidade mais turística daquele país.

Amandinha correndo no salão de embarque do Aeroparque em Buenos Aires
No início de 2013 eu visitei outras duas "cidades" da Patagônia Argentina que me transformaram num admirador das belezas naturais da região. Foram elas El Calafete, famosa pelas geleiras gigantes e Ushuaia que é a cidade mais ao sul de todo o mundo. Escrevi sobre elas aqui no blog.

Chá de aeroporto

Como do Rio de Janeiro não havia voo direto para Bariloche, tivemos que fazer conexão no Aeroparque em Buenos Aires e, apesar de ter escolhido a conexão com menor tempo possível, a Aerolineas Argentinas fez o favor de trocar nosso voo e acabamos levando quase 10 horas no total até chegar no apartamento que pegamos pelo Airbnb em Bariloche. 

Sentadinha aguardando o voo para Bariloche com a "popó" (galinha pintadinha)

Observando os aviões no pátio do Aeroparque em Buenos Aires
Ao chegarmos em Bariloche por volta das 16hs, só queríamos comprar coisas para comer no apartamento e relaxar depois da longa viagem.... Falando em ap, ficamos em um bastante espaçoso e confortável. Na verdade o fator espaçoso se mostrou uma desvantagem no auge das noites mais frias pois os aquecedores acabavam não dando conta de esquentar bem todos os cantos do imóvel. De positivo vale destacar a localização central a apenas 100 metros do centro cívico de Bariloche que é o coração da cidade... Para nós, entretanto, o melhor do apartamento era a vista te tirar o fôlego que tínhamos do Lago Nahuel Huapi! Simplesmente impressionante! Ah, o preço também beeem tranquilo... a diária não passava do equivalente a 200 reais....

Contemplando o vasto lago Nahuel Huapi
Sol nascendo numa das geladas manhãs que passamos em Bariloche (repare no vento batendo nas árvores....rs)
Amandinha tomando café da manhã no ap
Sete dias em Bariloche

Passaríamos um total de sete dias em Bariloche antes de seguir para o nosso próximo destino. Tempo que foi suficiente para fazermos passeios bacanas, comermos em restaurantes bons e também, por conta de todo o frio, nos encher de doces, chocolates e alfajores! rsrs Minha ideia é contar nos próximos posts mais detalhes de cada um desses aspectos que tornaram essa viagem pra Bariloche bem especial pra gente. :)

Continuo em breve!

Abcs,

Renato Vieira

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Vinícolas em Santiago: Viña Aquitania

Santiago, Abril de 2015

A Viña Aquitania foi a segunda vinícola que conhecemos em Santiago. Assim como a Concha y Toro, fica bem afastada do centro da cidade mas pode ser acessada com certa facilidade com a combinação metrô e táxi. A estação mais próxima da Viña Aquitania é a estação Quilin, na ruta verde do metrô santiaguino.
Diferente da Concha y Toro, a Viña Aquitania é pequena e desconhecida até mesmo para muitos chilenos. O primeiro taxista que pedimos pra nos levar lá nem sabia da existência dessa vinícola. Fundada por enólogos franceses da região de Bordeaux, a Aquitania produz somente vinhos Reserva e vinhos Premium e tem produção limitada tendo como foco sempre a qualidade ao invés da popularidade e produção em massa. Ainda assim, a maior parte da pequena produção é exportada para países na Europa e para os Estados Unidos. Descobri a Viña Aquitania quando pedi dicas do Chile a Madu, uma colega de trabalho, que também gosta de vinhos e tinha visitado essa casa durante uma via…

Vulcões Lanin e Villarica - Viagem a Pucón

Junin de los Andes e Pucón, Abril de 2016

Neste post vou comentar e mostrar algumas imagens de um dos passeios mais legais que fizemos nessa viagem! Saímos de San Martín de los Andes com a Lanín Turismo com destino a cidade de Púcon, no Chile, distante cerca de 190km. No percurso adentraríamos o Parque Nacional Lanín onde teríamos a oportunidade de visualizar um vulcão que leva o mesmo nome do parque. Já em Pucón, avistaríamos outro vulcão, dessa vez o Villarica!
O passeio com a Lanin Turismo começou bem cedinho. Ainda estava escuro quando eles nos buscaram na nossa cabana em San Martin. Assim como o passeio que fizemos ao Cerro Tronador ainda em Bariloche, ficaríamos o dia inteiro fora... Dessa vez com o agravante de que faríamos uma travessia de fronteira para o Chile e este país restringe a entrada de alimentos com os turistas vindo da Argentina...

Assim, tínhamos que montar uma logística boa para manter a Amandinha bem alimentada sem chegar com alimentos na aduana chilena. Graças …

A busca pelo peixe perfeito em Pipa

Pipa-RN, Maio de 2016

Já nos últimos dias de Argentina pensávamos bastante na nossa volta ao Brasil e principalmente na  nossa chegada ao Nordeste... Pensávamos em o quanto seria gostoso poder comer um bom peixe de água salgada depois de quase duas semanas comendo carne vermelha... Desde o nosso primeiro dia em Pipa fomos então a busca desse tão desejado peixe e graças a Deus a oferta era tão grande quanto a nossa vontade! :) Encontramos alguns muito bons, outros normais mas apenas um PERFEITO! Importante é que terminamos nosso período em Pipa realizados nesse quesito! Para registro, aqui vão dois lugares onde comemos um bom peixe por lá:


Caxangá - Esse restaurante fica bem na praia e serve uma variedade de pratos para além do nosso desejado peixe! Bem tradicional em Pipa, o restaurante faz questão de anunciar através de plaquinhas os nomes de famosos que já comeram por ali... Por ligar muito pra isso (para não dizer o contrário) no momento em que estou escrevendo esse post s…

Um fim de semana frio e animado em Teresópolis

Teresópolis, Julho de 2016

No primeiro final de semana de Julho conseguimos dar uma escapada da rotina e subir a serra em direção a Teresópolis! Era inverno, a estação do ano que eu particularmente mais gosto, e aproveitaríamos um tempinho curto em Terê onde o frio costuma marcar presença nessa época...  Era a primeira vez da Amandinha por lá....Bea e eu já tínhamos ido juntos poucos anos atrás antes da Amandinha nascer...
Chegamos em Teresópolis por volta das 20hs de uma sexta-feira e fomos recebidos com bastante frio! Quando passamos pela Av Oliveira Botelho, a principal do Bairro Alto, os termômetros já marcavam surpreendentes 7°C!

Ficamos hospedados numa casa no bairro Golfe que é um tanto afastado do centro e mais próximo de uma região de mata. Depois de nos instalar, ainda aproveitamos o restinho de noite e saímos para saborear um rodízio de fondue no restaurante Índalo! Primeira rodada fondue de queijo, depois carne e por último fondue de chocolate! Pronto! Já tínhamos arma…

Bariloche: Cerro Tronador e Ventisquero Negro

Bariloche, Abril de 2016

Ainda sobre os passeios em Bariloche...

Cerro Tronador e Ventisquero Negro (Glaciar Negro)

Assim como os passeios para a Isla Victoria e o Bosque de Arrayanes, compramos o tour para o Cerro Tronador na Turisur. Esse era o passeio que eu mais tinha expectativas desde o início do planejamento do roteiro da viagem! Como seria quase um dia inteiro passeando a céu aberto, deixamos pra fazê-lo no dia com menor probabilidade de chuva possível e graças a Deus deu certo!
O Cerro Tronador é um vulcão extinto de aproximadamente 3.490 metros, localizado em um dos pontos fronteiriços entre Argentina e Chile. No cume desse vulcão, há precipitação de neve o ano todo o que gera uma acumulação de gelo. Esse gelo acumulado por sua vez forma o Glaciar Manso. Como o Glaciar Manso está no cume do vulcão e constantemente em movimento, há sempre queda de gelo para a base do vulcão. O ruído gerado por essa queda de blocos gigantes de gelo se assemelha ao som de um trovão. Daí o nome…